sexta-feira, 20 de abril de 2007

Hoje é o primeiro dia da minha nova vida...


Todos nós temos um ou mais carros de que gostamos, por vezes conseguimos realizar o sonho de o comprar, na maior parte das vezes ficamos apenas no sonho. Este é o meu caso…rsssss. Quando na década de sessenta Ferruggio Lamborghini criou a marca do touro, depois de muitos anos de sucesso no fabrico de tractores agrícolas, comercializados no nosso país, deu origem aos mais belos carros desportivos de sempre (na minha opinião).


Diz-se que os Lamborghinis amam-se ou odeiam-se, mas jamais se consegue ficar indiferente. Eu tenho por hábito dizer que para comprar um super desportivo basta ter dinheiro, mas para comprar um Lamborghini é preciso também ser-se diferente e ter bom gosto. Um Lambo é mais do que um carro é o espírito de um homem que com tenacidade e trabalho construiu os sonhos de muita gente, deixando também exemplos de como a vontade e o espírito de aventura podem levar um homem a atingir metas impensáveis. É verdade que a sorte também ajuda, mas Ferruggio deixou uma frase que o caracterizou muito bem: “Hoje é o primeiro dia da minha nova vida…” era com esta frase que começava os dias.
Muitos dos carros da Lamborghini fizeram história desde que a fábrica começou, mas na verdade o maior sucesso aconteceu quando Marcelo Gandini, trabalhando para a Bertone desenhou o Miura, este ficaria na história automóvel. Em seguida o mesmo Gandini desenharia aquele que ainda é actualmente o mais belo super carro de sempre, o Countach.
















Este é ainda uma imagem de marca e os jovens continuam a ter posters dele e a desejá-lo não obstante já terem passado muito mais de 30 anos desde que foi apresentado pela primeira vez.
Já afastado da Bertone, Gandini assinaria ainda mais um modelo fabuloso, o Diablo, cuja originalidade seria alterada pela Chrysler, à época proprietária da marca, mas nem por isso o carro deixou de ter a beleza italiana.


A Lamborghini passaria por muitas dificuldades financeiras e mudaria várias vezes de proprietários até aos nossos dias, actualmente pertence à Audi e os modelos Murciélago e Gallardo já reflectem bem a influência alemã cobrindo o coração italiano que é o motor. Mas mesmo assim continuam Lamborghinis.







No que respeita às minhas preferências o Diablo Roadster em amarelo é e será sempre o meu preferido, muito embora nos meus sonhos incluiria um Miura em verde Pistaccio e também um Countach em branco. Posso considerar-me um homem de sorte pois já andei em alguns Lamborghinis e até já estive ao volante de um como podem ver na foto…rsssss.















Outro caso sério das minhas preferências é o Hummer H1 em amarelo com o tejadilho em preto. A Hummer é uma marca americana que começou por fabricar carros para o exército Norte-americano, os HumVee, e acabou por se tornar uma referência em jipes. Já comercializados no nosso mercado o H2 e H3 são carros de luxo, mas eu continuo fiel ao H1. Paixões são paixões. Deixo aqui as fotos para os que como eu gostam de sonhar, aproveitem pois que ainda é grátis…rsssss


2 comentários:

imagemaker disse...

ganda maluco já não houvia falar de ti hà pelo menos um século rssssss.... quem te escreve é quem não te esqueçe foste e és para nós uma referência na musica feita em Portugal, por portugueses E PARA PORTUGUESES

em breve terás noticias nossas estamos a finalizar mais um álbum desta feita com uma voz feminina


está a ficar do caraças e promete honrar as horas passadas a sonhar no mitico bar a nossa casa "RUINA"


"AJAKALMA RAPAZ E VENCERÁS UM DIA"


um forte abraço e obrigado por mencionares o nome da banda no teu blog.


GI FONSECA - DRUMS AJAKALMA FOREVER

Afgane disse...

Amigo Gi
Esta foi uma agradável e grata surpresa. Temos que nos encontrar e beber um copo colocando a conversa em dia.
Obrigado pela visita
Um abraço